A procura pela experiência em Supply Chain

24 de Abril de 2015 - Autor: Marco Arroz - Fonte: Logística Moderna

 Num paradigma de negócios cada vez mais global e dinâmico, a coordenação da gestão da armazenagem e da distribuição de produtos tem sofrido mutações constantes fomentando uma evolução profissional com diferentes exigências.   

Atualmente, o rótulo de "a logística como elemento diferenciador" assume uma clara ênfase estratégica nas organizações. Identificada como a última fronteira empresarial em que se pode explorar novas vantagens competitivas, surge o conceito de Supply Chain Management, cujo pano de fundo é a globalização.

O conceito de Supply Chain surgiu como uma evolução natural do conceito de Logística Integrada. Enquanto esta representa uma integração interna de atividades, o Supply Chain Management representa a sua integração externa, pois estende a coordenação dos fluxos de materiais e de informações aos fornecedores e ao cliente final. A gestão da cadeia como um todo pode proporcionar diferentes possibilidades de aumentar a produtividade e, consequentemente, contribuir para a redução de custos, assim como identificar formas de agregar valor aos produtos.

A identificação de profissionais em Supply Chain

Tem sido evidente a importância que o conceito assume junto das organizações, sendo crucial possuir recursos humanos que desenvolvam e implementem as estratégias definidas. Um sistema que inclui processos de logística que vão desde a entrada de pedidos de clientes à entrada do produto no seu destino final, implica a presença de um profissional qualificado e experienciado no setor. Efetivamente, este profissional terá a seu cargo a gestão e controlo de indicadores de performance fundamentais para o resultado, como a velocidade da execução dos processos, o tempo de chegada aos consumidores e o nível de serviço adequado a cada necessidade em específico.

As solicitações destes perfis, por parte das empresas, têm vindo a consolidar-se ao longo do tempo. Poder-se-á destacar um conjunto de características exigidas para a função que são frequentemente analisadas em cada candidato. Estamos perante profissionais em que se exige elevada capacidade de resolução de problemas, de gestão de prioridades e de orientação para os resultados operacionais. A boa capacidade de interação com todos os departamentos da empresa é crucial para o sucesso. Trata-se de um elemento pivot que deverá possuir soft skills sociais muito sólidas e com elevados níveis de assertividade. As suas hard skills são igualmente vitais. De facto, o conhecimento acerca do tráfego internacional de mercadorias e dos principais operadores internacionais, assim como da legislação que regulamenta os transportes é amplamente valorizado. Possuir experiência na gestão da tipologia específica do produto é igualmente crucial. Indubitavelmente, a natureza da matéria-prima em causa, definirá igualmente o ciclo de vida do produto, a tipologia de transporte e de armazenagem, entre outros aspetos que afetam todo o delineamento da cadeia de abastecimento e de distribuição. A par destes conhecimentos, pela natureza analítica da função, é importante a posse de ferramentas informáticas que possibilitem um constante estudo dos Key Perfomance Indicators em que se baseia todo o processo. 

Indubitavelmente, a posição de Supply Chain é rica em requisitos profissionais e pessoais que aliciam os candidatos especializados em logística. A já referida integração externa que envolve o conceito de Supply Chain, significa desenvolver relacionamentos cooperativos com os diversos participantes da cadeia de abastecimento, baseados na confiança e na troca de informações. A integração externa permite eliminar duplicidades, reduzir custos e adequar os serviços à real necessidade do cliente/fornecedor.  Sendo assim, nem todos os candidatos com um histórico ligado à logística poderão ser considerados. A especificidade da função assim o dita.

Service Trabalho Temporário Sourcing Outsourcing Training Consultoria, Formação e Eventos Msearch Recrutamento e Selecção Medical Outsourcing na área da Saúde Upgrade Outsourcing na área das TI Field Marketing